A INSUFICIÊNCIA DA RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL EMPRESARIAL NA PERSPECTIVA DO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

Jacopo Paffarini, Mariângela Matarazzo Fanfa Colognese, Eduardo Henrique Hamel
2017 Direito e Desenvolvimento  
O desenvolvimento econômico fundamentado na exploração desenfreada da natureza é uma sistemática funcional para os objetivos do capitalismo. Diante dos problemas ambientais decorrentes das atividades econômicas e industriais, o mundo corporativo despertou para a necessidade de incorporar a questão socioambiental na gestão. Todavia, persiste a incompatibilidade entre as finalidades do capitalismo e o desenvolvimento sustentável. A responsabilidade socioambiental corporativa não atingiu níveis
more » ... oáveis de efetividade e luta para conciliar o sistema produtivista e consumista com a preservação ambiental. Este estudo tem como objetivo questionar a insuficiência da responsabilidade socioambiental empresarial na perspectiva do desenvolvimento sustentável e promover a Sociologia Ambiental como ferramenta de conscientização. Nesse contexto, surge como imprescindível a abordagem do desenvolvimento na sujeição da sustentabilidade, a partir de outra perspectiva frente às ações e práticas de produção que ajustam o desenvolvimento. Através de pesquisa exploratória bibliográfica, são descritos esses conceitos e suas aproximações e afastamentos. Conclui-se que o esgotamento ambiental é um limite para o avanço do capitalismo e gerenciar essa crise planetária pressupõe a aprendizagem focada na consciência ambiental e na construção social ambiental.Palavras-chave: Capitalismo. Desenvolvimento sustentável. Dano ambiental. Responsabilidade. Sociologia ambiental.Abstract: The economic development based on the unbridled exploitation of nature is a functional systematic for the purposes of capitalism. Faced with the environmental problems arising from economic and industrial activities, the corporate world has awakened to the need to incorporate social and environmental issues in management. However, persists the incompatibility between capitalism and sustainable development purposes. Therefore, the corporate social and environmental responsibility has not reached reasonable levels of effectivness and it struggles to reconcile productivist and consumerist system with environmental preservation. This study aims to question the insufficiency of corporate social-environmental responsibility in the perspective of sustainable development and to promote Environmental Sociology as an awareness tool. In this context, the approach of development in the subjection of sustainability emerged as essential, from another perspective regarding the actions and production practices that adjust the development. Through exploratory bibliographic research, these concepts and their approximations and departures are described. It is concluded that environmental depletion is a limit for the advance of capitalism and managing this planetary crisis presupposes learning focused on environmental awareness and environmental social construction.Keywords: Capitalism. Sustainable development. Environmental harm. Responsibility. Environmental sociology.
doi:10.25246/direitoedesenvolvimento.v8i2.541 fatcat:ce5rxrpvqfbn5nns72vfjhgg7m