Influência dos investimentos ambientais e dos indicadores econômico-financeiros na seleção de empresas para compor o Índice De Sustentabilidade Empresarial (ISE)

Barbara Beirão Tonolli, Suliani Rover, Denize Demarche Minatti Ferreira
2017 Revista Catarinense da Ciência Contábil  
O objetivo geral do trabalho é verificar a influência dos investimentos ambientais e de indicadores econômico-financeiros na seleção das empresas para compor o Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) no ano de 2014. Com relação à metodologia, esta pesquisa é classificada como descritiva, e, explicativa quanto aos objetivos, com abordagem metodológica quantitativa e qualitativa. A coleta foi realizada por meio de dados secundários e, quanto aos procedimentos, é uma pesquisa documental. A
more » ... stra da pesquisa compreende 178 empresas elegíveis ao ISE do período de 2015, ano base 2014. Foram coletados os relatórios de sustentabilidade do ano de 2014 para identificar os investimentos ambientais. Do total de empresas, 95 apresentaram relatórios, sendo que 93 delas divulgaram investimentos ambientais de forma qualitativa e 49, quantitativa. A média dos investimentos ambientais totalizou R$ 158.028.447,36. A técnica estatística utilizada para verificar que variáveis influenciam na seleção de empresas para compor o ISE foi a regressão logística, tendo como variáveis explicativas: ativo total, rentabilidade do ativo, liquidez corrente, grau de endividamento, Novo Mercado, investimentos ambientais de forma qualitativa e quantitativa. Pela análise dos resultados, concluiu-se que tamanho, rentabilidade do ativo, grau de endividamento e investimento ambiental quantitativo influenciam as companhias a serem selecionadas para compor o ISE. A variável tamanho foi significativa ao nível de 1%, grau de endividamento e investimentos ambientais quantitativos ao nível de 5% e rentabilidade ao nível de 10%.
doi:10.16930/2237-7662/rccc.v16n48.2315 fatcat:cysmp2f6mjgdjkni3lxyriik6i