Cultivo da pupunheira (Bactris gasipaes Kunth) irrigada submetida a diferentes formas de adubação (mineral e orgânica) [thesis]

Clóvis José Bissi Junior
A Deus, Grande Arquiteto do Universo, por iluminar meu caminho, dando sua benção em minhas decisões, orientando-me nos momentos difíceis. Agradeço à minha irmã Natalia J. Bissi, pelo apoio e auxílio nos momentos difíceis e na formação do meu caráter. Aos meus familiares, alicerce de minha vida, que direta e indiretamente contribuíram para esta conquista. À minha namorada Fernanda Magro, pelo apoio, carinho e compreensão durante a construção do experimento e vida de pós-graduação. Ao meu
more » ... or Prof. Jarbas Honorio de Miranda, pela oportunidade, por acreditar em meu potencial, pelas palavras de incentivo. Ao meu cunhado, Fabio Magro, pela grande ajuda na implantação e condução do experimento, pela valiosa contribuição e apoio à realização deste curso. Ao meu amigo, Fabio Jordão Rocha, pela grande ajuda antes e depois do ingresso na ESALQ, pela valiosa contribuição e apoio à realização deste curso. À Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" (USP), especialmente ao antigo Programa de Irrigação e Drenagem, hoje Engenharia de Sistemas Agrícolas. Aos professores do Departamento de Engenharia de Biossistemas, pela confiança, orientação e pelos ensinamentos. Aos Estagiários, Rafael Aparecido Rodrigues Junior e Luciano Alves pela ajuda nas avaliações do experimento, pelas atitudes em ajudar, que influenciaram na formação do meu olhar científico. Aos meus colegas de Pós-Graduação: Adriano, pela concessão da bolsa de estudos. Ao Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT), ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e à Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP), pelo apoio financeiro a esta pesquisa, através do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Engenharia da Irrigação (INCTEI). Por final agradeço a todos que direta ou indiretamente contribuíram para a realização deste sonho. A todos o meu muito Obrigado! 7 "Se trabalhamos sobre o mármore, ele um dia acabará; se trabalhamos sobre o metal, um dia o tempo o apagará; se nós levantamos templos, eles um dia tornarão pó; mas se nós trabalharmos sobre almas jovens e imortais, certamente, nós gravaremos sobre elas algo que brilhará eternamente." Rizzardo da Camino 8
doi:10.11606/d.11.2012.tde-21032012-094707 fatcat:cknuq3juczftbh4vjak5llixwy