Resumo A prática da enfermagem em curativos de hansenianos em unidades de saúde da Direção Regional de Saúde XXIV 1 The nursing practice on injury dressings in leprosy in Health Assistance Unities of the Regional Route of Health XXIV

Marina Soares, Maria Lúcia, Helene
unpublished
A hanseníase é doença de alta prevalência no país, causa alterações de sensibilidade no doente e pode gerar incapacidades e lesões. O mal perfurante plantar é a lesão de maior freqüência, requerendo assistência pautada no conhecimento do processo de cicatrização e a escolha adequada dos produtos utilizados. Trata-se de uma pesquisa descritiva realizada com o objetivo de caracterizar a prática da enfermagem em hanseníase, relacionada aos curativos, em algumas unidades de saúde da Direção
more » ... da Direção Regional de Saúde-DIR XXIV da cidade de Taubaté, SP. Foi realizada em 18 municípios, selecionados, em 27 unidades de saúde, sendo a amostra da população composta por 56 funcionários. A coleta de dados ocorreu por meio de entrevistas, utilizando-se formulário com questões semi-estruturadas, todas realizadas após a anuência dos sujeitos da pesquisa, conforme a Resolução 196/96. Na análise estatística empregou-se o teste do Quiquadrado sem correção de Yates ou Teste Exato de Fisher; o nível de significância foi 0,05. Os resultados mostraram que, dos 56 pesquisados, 38 (67,8%) realizavam curativos dentre os profissionais que executavam o procedimento, e 18 (32,1%) realizam apenas a orientação do procedimento, dos que realizavam os curativos 11 (28,9%) eram técnicos de enfermagem, dentre os sujeitos da pesquisa 24 (62,3%) são auxiliares, 2 (5,3%) são atendentes e 1 (2,6%) estagiário de enfermagem; 18 (47,4%) desses funcionários não tiveram preparo para o tratamento de lesões. As diferenças significativas encontradas entre o grupo dos funcionários com preparo dos sem preparo em curativo foram relacionadas à avaliação do leito da ferida e utilização de produtos para o desbridamento. Esforços são necessários para que os profissionais de enfermagem realizem sua prática em relação aos procedimentos de curativo à luz dos avanços tecnológicos no tratamento de lesões. Palavras-chave: hanseníase; epidemiologia; enfermagem em saúde comunitária. Introdução H anseníase, doença de alta prevalência no Brasil, tem grande potencial incapacitante. A afinidade do bacilo por células do sistema nervoso periférico pode provocar deformidades primárias como o comprometimento de fibras dos nervos sensitivos, motores e autônomos, acarretando diminuição ou ausência da sensibilidade protetora, paralisia e amiotrofia. Como deformidades secundárias, podem ocorrer calosidades fissuras, ulcerações e o mal perfurante plantar este a mais comum entre as lesões 1-2. Desse modo, verifica-se que na hanseníase estas alterações devem ser detectadas e avaliadas, possibilitando determinar a implementação de medidas que visem a prevenção ou a ARTIGO DE INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA Soares MT et al. A prática da enfermagem em curativos de hansenianos em unidades de saúde da Direção Regional de Saúde XXIV Recebido em 09/03/2004. Última revisão em 12/07/2004. Aceito em 15/07/2004. Correspondência: Profª Drª Lúcia Maria Frazão Helene. Rua Raul Pompéia, 1023. Pompéia. São Paulo/SP CEP 05025-010. lmfhelen@usp.br 1 Resumo da dissertação de Mestrado "Curativos em hanseníase: a prática da enfermagem em unidades de saúde da Direção Regional de Saúde XXIV" apresentada à Escola de Enfermagem da USP, em 2002.
fatcat:rfzp4kpcgbd6ljnz5a5suynyoi