Avaliação da função autonômica em portadores de cardiomiopatia hipertrófica com e sem síncope [thesis]

Milena Frota Macatrão Costa
Aos meus pais, Ana Lucia e Osmario, meus maiores incentivadores. Pelo amor e confiança que em mim depositaram. Por me mostrarem os verdadeiros valores da vida. Ele plantou em mim o amor pela Medicina e se tornou meu maior exemplo na profissão. Ela, sempre firme, amorosa e competente, meu maior exemplo de mulher e mãe. Aos meus queridos irmãos, Clarissa, Alina, André e Felipe. Meus grandes e verdadeiros amigos, por tantos momentos importantes compartilhados, pelo companheirismo, lealdade e
more » ... o, lealdade e incentivo de sempre. Aos meus avôs, Mendes e Osvaldo, e minhas avós, Myrthes e Maria Clemência (in memoriam), pelos inesquecíveis anos de convivência, cheios de ensinamentos e alegria. Quanta saudade... Também à minha avó Dindinha. À minha madrinha Myrthes, por estar sempre por perto, me incentivando e apoiando, com o seu carinho de sempre. Às minhas sobrinhas Lara, Camila, Isadora, Ludmila, Lívia e Clara. Princesas que enchem os nossos corações de alegria. E também a quem está vindo por aí... Ao meu amado companheiro, Wagner. Pelo amor, dedicação e cumplicidade. Por ter participado ativamente do desenvolvimento desta tese. Por tudo que compartilhamos. Ao meu tão amado e sonhado filho (ou filha!). Todo o meu amor... AGRADECIMENTOS A Deus, por tudo. À querida Profa. Dra. Denise Hachul, orientadora e grande amiga, exemplo de médica e de ser humano. Pelo incentivo e confiança de sempre, por todos os ensinamentos nestes anos de convivência, pela paciência e compreensão nos momentos de dificuldade. Ao Dr. Edmundo Arteaga, pela indispensável participação nesta pesquisa, desde o projeto até os detalhas finais, pelo incentivo e apoio nestes anos. A toda a minha família. A toda a equipe médica da Unidade de Arritmia, Prof. Dr. Eduardo Sosa, Prof. Dr Maurício Scanavacca, Dr. Francisco Darrieux e Dra Sissy Lara de Melo, pelo incentivo e força durante cada instante da elaboração desta tese. Ao colega Dr. Murilo Antunes, pela inestimável colaboração na seleção dos pacientes, junto ao Ambulatório de Cardiomiopatias. Ao Dr. Fábio Sândoli de Brito, pelo incentivo e pela disponibilização de seu sistema de análise de Holter para os exames dos pacientes desta tese. A todos os meus amigos, especialmente àqueles que estiveram mais próximos durante estes anos de doutorado: Dr. Cristiano Pisani, Dra. Hindalis Epifanio, Dra. Tan Chen Wu e Dra. Suzelle Freitas de Moura. Pela compreensão nas faltas e pelo estímulo de sempre. À colega de pós-graduação Dra. Astrid Santos, pelo companheirismo, pelos conhecimentos compartilhados e pela amizade. À equipe da Unidade de Arritmias, Roberta Simonetti, Vanda Silva e Luciana Amaral, pelo carinho e disponibilidade a qualquer hora. A todos os estagiários da Unidade de Arritmias, especialmente àqueles que conviveram mais de perto com o desenvolvimento desta tese. A todos os funcionários do ambulatório do Incor. Ao Serviço de Pós-Graduação do Incor, representado por Juliana, Eva e Neusa, pelo profissionalismo, apoio e disponibilidade de sempre. Aos pacientes que gentilmente participaram desta pesquisa, meu profundo e sincero agradecimento. Esta tese está de acordo com as seguintes normas: Referências: adaptado de International Committee of Medical Journal Editors
doi:10.11606/t.5.2010.tde-07042010-110625 fatcat:jufn7wkuhvcqdndrlq64yyvyiu