CONCENTRAÇÃO DE METAIS EM SEDIMENTOS DA LAGOA DO PARQUE METROPOLITANO DE PITUAÇU, SALVADOR, BAHIA, BRASIL

Edevaldo Silva, Niere Fernanda Almeida Souza, Zenira Cardoso Vilasboas Viana, Philipe Silva Silva Marinho, Vera Lúcia Cancio Souza Santos
2017 Holos  
A lagoa de Pituaçu está inserida no Parque Metropolitano de Pituaçu (PMP). Esta recebe efluentes domésticos e pluviais e encontra-se em um processo acelerado de degradação ambiental. O presente trabalho teve como objetivo determinar a concentração de metais pesados (Al, Cu, Fe, Mn, V) em sedimentos superficiais da lagoa do Parque Metropolitano de Pituaçu, Salvador, Bahia, Brasil. Foram definidos 7 pontos amostrais. A determinação de metais (Al, Cu, Fe, Mn e V) foi realizada utilizando a técnica
more » ... tilizando a técnica da espectrometria de emissão óptica com plasma indutivamente acoplado (ICP OES). A faixa de concentrações encontradas para os metais foram: Al (3.618-27.210 mg kg-1); Fe (11.968-122.030 mg kg-1); Mn (44,00-481,50 mg kg-1); V (25,00-111,50 mg kg-1) e Cu (4,05-25,50 mg kg-1). A ordem de concentração nos diversos pontos foi Fe>Al>Mn>V>Cu ou Fe>Al>Mn=V>Cu, com as maiores e as menores concentrações de todos os metais, encontradas nos pontos P1 e P3, respectivamente. Houve variações espaciais nas concentrações dos metais, com maiores concentrações nos pontos amostrais próximos de atividades antrópicas (efluentes e atividade agrícola). Esse estudo reporta níveis relativamente altos, especialmente para o V, indicando possíveis necessidades de ampliar ações de preservação ou monitoramento ambiental para evitar a acumulação desses metais em níveis tóxicos para a água e para o sedimento.
doi:10.15628/holos.2017.4502 fatcat:jtneomxto5c6lmfp5besyy4sqq