Plasmaférese pré-tireoidectomia em paciente com tireotoxicose e hepatotoxicidade por propiltiouracil: relato de caso

Ronald Freire de Almeida, Ana Paula Comarella, Márcio Barcelos Silveira, Alex Rocha Bernardes da Silva, Alessandra Ferri Casini
2013 Arquivos brasileiros de endocrinologia e metabologia  
A tireotoxicose é uma rara síndrome clínica decorrente da exacerbação do hipertireoidismo, de etiologia e fatores desencadeantes diversos. A abordagem terapêutica pode ser realizada por meio de medicamentos para bloqueio da síntese, secreção e/ou inibição da ação periférica hormonal, além de terapia dirigida aos fatores desencadeantes. Entretanto, em casos refratários, a plasmaférese surge como importante opção de tratamento. Relatamos o caso de um paciente com doença de Graves, internado com
more » ... es, internado com quadro de hepatotoxicidade grave por propiltiouracil, que evoluiu com tireotoxicose, sendo indicada plasmaférese para rápida redução dos hormônios tireoidianos, em preparo para a tireoidectomia total.
doi:10.1590/s0004-27302013000400008 pmid:23828438 fatcat:j4hdhw6h7fe2hefmzc7j5lhmta