RACISMOS E ANTIRRACISMOS NAS FAMÍLIAS INTER-RACIAIS

Ângela Della Flora, Janaína Amorim da Silva
2020 Revista da Associação Brasileira de Pesquisador s Negr s - ABPN  
SCHUCMAN, Lia Vainer. Famílias Inter-raciais: tensões entre cor e amor. Salvador: EDUFBA, 2018. 146 p. ISBN 978-85-232-1762-4. Resumo: O livro "Famílias inter-raciais; tensões entre cor e amor" de Lia Vainer Schucman, de 2018, analisa por meio de entrevistas, cinco famílias inter-raciais, buscando compreender como as questões da cor, raça e racismo são vividos e significados por diferentes membros da família e transmitidos entre gerações. Trata também das dimensões intrapsíquicas e
more » ... icas e interpsíquicas das experiências, para demonstrar que no interior dessas famílias é possível construir estratégias de enfrentamento ao racismo, acolhimento e elaboração da violência, mas é este também o locus de legitimação e vivência racista. Ao final, aponta: i) a necessidade de reconhecer os danos causadores da desigualdade da vivência social da raça e da racialização dos sujeitos; ii) o letramento racial como apropriação de um novo modo de ser, agir e pensar para a superação da branquitude. Palavras-chave: Branquitude; racismo; relações étnico-raciais; letramento racial. RACISM AND ANTI-RACISM IN INTERRACIAL FAMILIES Abstract: The book "Interracial families: tensions between color and love"by Lia Vainer Schucman, 2018, analyzes through interviews, five interracial families, seeking to understand how the issues of color, race and racism are lived and meant by different family members and transmitted between generations. It also deals with the intrapsychic and interpsychic dimensions of the experiences, to demonstrate that within these families it is possible to build strategies to face racism, and the embrace and elaboration of violence, but this is also the locus of legitimation and racist experience. At the end, he points out: i) the need to recognize the damages that cause inequality in the social experience of race and racialization of subjects; ii) racial literacy as the appropriation of a new way of being, acting and thinking to overcome whiteness.
doi:10.31418/2177-2770.2020.v12.n.33.p535-542 fatcat:s2nwyu4xs5djra6ggnydu4jbri