MODELAGEM PARAMÉTRICA

Nilberto Sousa, Alessio Dionisi, Clodoaldo Castro
2019 Revista Projetar - Projeto e Percepção do Ambiente  
Este artigo apresenta a proposta arquitetônica elaborada pela equipe que obteve o segundo lugar no concurso interno, intitulado Exercício de Concepção de um Elemento Arquitetônico, da disciplina Oficina de Projeto Computacional do Programa de Pós-graduação Profissional em Arquitetura, Projeto e Meio Ambiente da UFRN/Natal. O objetivo do concurso era projetar uma cobertura de forma complexa, que conectasse os prédios da graduação e da pós-graduação do curso de Arquitetura. Dentre as diretrizes e
more » ... tre as diretrizes e restrições impostas pelo enunciado do exercício, destacam-se a concepção em modelagem paramétrica, o uso da madeira como material principal, o recobrimento da estrutura em telha, a preservação da espécie arbórea existente e a escolha por materiais disponíveis na universidade. O conceito da proposta é reverter restrições em potencialidades, e o projeto reinterpreta uma técnica construtiva vernacular, a oca indígena, cuja estabilidade estrutural resulta do arqueamento de um pontalete fincado na terra. A ripa é o material escolhido para compor a estrutura arqueada. O uso do Grasshopper se constituiu numa alternativa aos processos projetuais tradicionais como croquis à mão livre, modelagem em softwares Sketchup, maquete e mockup. O benefício do programa reside na rapidez com que formas são geradas sem que, para isso, novos modelos sejam elaborados. Ele é uma mudança de paradigma em relação aos softwares CAD convencionais, pois o processo inicial de projeto se volta mais aos parâmetros que estabelecem a forma do que o próprio desenho da forma em si. A interoperabilidade do Grasshopper com programas de cálculo estrutural é outro aspecto relevante desse processo projetual.
doaj:30577b00c67f4cd28cbb8f531ba5bd05 fatcat:demazoukrzcl7btbwi72veh5zq