ESTUDO PROSPECTIVO DE PRODUTOS DERIVADOS DO MEL ASSOCIADO AO ÁLCOOL E TECNOLOGIAS CORRELATAS SOB O ENFOQUE EM DOCUMENTOS DE PATENTES

Marcelo Andrés Umsza Guez, Bethania Felix Miranda Ramos, Aline Rabello Costa Alves, Bruna Aparecida Souza Machado
2013 Cadernos de Prospecção  
RESUMO O mel sempre foi utilizado em várias aplicações. Atualmente, o interesse da indústria de alimentos pela inserção de componentes naturais na elaboração de seus produtos, com tal interesse associado principalmente às propriedades funcionais de tais componentes, abre espaço para novas aplicações tecnológicas. O objetivo dessa prospecção foi realizar um monitoramento tecnológico para avaliar o panorama mundial da proteção de processos e produtos relacionados a esta matéria-prima associada ao
more » ... álcool, investigando os documentos de patentes depositados por país de origem, evolução anual de depósito e áreas de proteção dessa tecnologia no mundo. A primeira patente encontrada foi no ano de 1948. Pode-se assim considerar esta uma tecnologia antiga, entretanto, de grande interesse na atualidade. Os países asiáticos, em especial a China, são os principais detentores dessa tecnologia e a maior parte das patentes está relacionada diretamente a alimentos ou produtos farmacêuticos. Palavras Chave: mel; álcool; alimentos; bebidas; patentes. ABSTRACT Honey has always been used in various applications. Currently, the food industry looks for the insertion of natural components in its products, aiming to add functional properties, making room for honey new technological applications. The purpose of this survey was to perform a technological monitoring to assess the global panorama on protection processes and products related to this raw material in association with alcohol, investigating patent documents filed by country of origin, yearly filing evolution and this technology's protection areas in the world. The first patent was found in 1948. Although it may look like an old technology, there is great interest nowadays, specially amount the Asian countries, like China, that are major holders of this technology with most of the patents in the fields of food or pharmaceuticals.
doi:10.9771/s.cprosp.2013.006.014 fatcat:cwh455xg3zcrlc2wcknib2ubm4