Inquérito sorológico da brucelose canina através da utilização de antígeno externo e interno de Brucella canis e Brucella ovis

Teresinha Ferreira, Miguel Amaral Mandelbaum, Ana Paula Lopes Marques, Helenita Marques Torres, Márcio José de Figueiredo, Cáthia Maria Barrientos Serra, Maria Helena Cosendey de Aquino
2007 Revista Brasileira de Ciência Veterinária  
Inquérito sorológico da brucelose canina através da utilização de antígeno externo e interno de Brucella canis e Brucella ovis Serodiagnosis of canine brucellosis using external and internal antigens of Brucella canis and Brucella ovis Resumo O objetivo desse estudo foi investigar a ocorrência da brucelose canina na cidade do Rio de Janeiro utilizando-se a técnica de imunodifusão em gel de agarose.Antígenos externo e interno de Brucella canis e Brucella ovis foram previamente preparados e um
more » ... preparados e um antígeno comercial usado para diagnóstico da brucelose canina foi também utilizado.Amostras de soro de 316 cães coletadas aleatoriamente foram examinadas.Oito amostras (2,53%) foram positivas no teste utilizando-se antígeno externo de B. canis e B. ovis e sete amostras (2,2%) foram confirmadas com o antígeno comercial.Três amostras (0,95%) foram positivas para todos os antígenos testados. Antígenos externo e interno devem ser usados nos testes sorológicos para diagnóstico da brucelose canina para detecção precoce e obtenção de resultados mais precisos, respectivamente. Palavras-chave: brucelose canina, teste de imunodifusão, antígenos. Abstract The present study was designed to carry out a serologic investigation of canine brucellosis by using agar gel immunodiffusion test in the Rio de Janeiro city. External and internal antigens of B. canis and B. ovis were previously prepared and a commercial kit used for canine brucellosis diagnosis, was also employed. Random samples of 316 dogs were examined. Eight samples (2,53%) were positive by using external antigen of B. canis and B. ovis. Seven samples (2,2%) were positive using the commercial antigen also, and three samples (0,95%) were positive for all the antigens employed. External and internal antigens must be used for early detection and accurate results, respectively.
doi:10.4322/rbcv.2014.256 fatcat:fxddzbxrqvhh3p7rfrrvw2w6ay