BARREIRAS PARA O DESENVOLVIMENTO DE ATIVIDADES FÍSICAS PARA IDOSOS: A VISÃO DOS SECRETÁRIOS MUNICIPAIS DE SAÚDE DE SANTA CATARINA

Paula Fabricio Sandreschi, Daniel Rochério Petreça, Giovana Zarpellon Mazo, Felipe Fank
2019 Estudos interdisciplinares sobre o envelhecimento  
Objetivo: descrever a visão dos secretários municipais de saúde (SMS) do estado de Santa Catarina (SC) sobre as barreiras para Desenvolvimento de programas de promoção de atividade física (AF) para idosos e associá-las às características de seu perfil. Método: estudo realizado com SMS de 204 municípios. Foi aplicado questionário com questões sociodemográficas, de formação, de saúde e quatro barreiras para desenvolvimento de programas de AF para idosos, as quais deveriam atribuir um grau de
more » ... uir um grau de importância. Resultados: a principal barreira considerada como maior importância pelos SMS de SC foi "falta de incentivo financeiro para implantação de ações/atividades relacionadas à AF para idosos" e foi associada ao estado civil, ao nível de atividade física dos secretários e à presença de programa de AF no município. Conclusão: os SMS consideram que a falta de recursos financeiros é uma barreira importante para implementarem programas de AF para idosos e suas características estão associadas à essa percepção.
doi:10.22456/2316-2171.97664 fatcat:nmpsmemy6bbdvf7wg2qxf2rqma