Pastagens da Amazônia Central: Ecologia e fauna do solo

Mário Dantas
1979 Acta Amazonica  
RESUMO Foram estudados os micro-artrópodos do solo, bem como a cobertura vegetal, fauna de cobertura, respiração edáfica, além de fatores físico-químicos do solo e climáticos, em pastagens artificiais de terra firme próximo a Manaus. De janeiro a dezembro de 1977 foram realizadas 21 amostragens, perfazendo 1304 unidades com 12,56 cm2de área e até 5 cm de profundidade. A fauna foi extraída pelo método Berlese-Tullgren, modificado. Acari o Collembola foram os grupos dominantes do solo em todos os
more » ... do solo em todos os ambientes. Foram encontrados até 22 grupos de artrópodes na pastagem e 26 grupos na floresta. Na pastagem, as densidades de Acari variam de 32.000 a 73.000/m2e de Collembola de 4.000 a 35.000/m2, Na floresta, urna única estimativa deu como resultado 49.000/m2para Acari e 12.000/m2para Collembola. A pastagem extensiva e o sistema rotacional não apresentaram diferenças na fauna do solo. Diferenças foram encontradas entre pastagens formadas por diversas gramíneas e com diferentes idades, e também entre pastagem e floresta primária, principalmente com relação ao número de grupos encontrados. As populações de artrópodes encontram-se agregadas e as de Acari e Collembola em particular são descritas satisfatoriamente pelo distribuição binomial negativa. A respiração edáfica sob Setaria sp. apresentou-se com média de 455,7 (dia) e 448,1 (noite) mg/CO2/m2/h e sob diversas espécies de Solanaceae de 507,0 (dia) e 483,6 (noite) mg/CO2/m2/h.
doi:10.1590/1809-43921979092s005 fatcat:fmi4bedczfh23jrsaxwji3s2uy