Pistas Diretas Planas para o tratamento de mordida cruzada posterior

José Isper Garbin, Bruno Wakayama, Renata Reis dosSantos, Tânia Adas Saliba Rovida, Cléa Adas Saliba Garbin
Revista Cubana de Estomatología  
As oclusopatias constituem um focos de discussões na Saúde Pública, por este motivo é necessário incorporar procedimentos para sua correção que sejam de baixo custo, fácil execução e que possam ser realizados nos serviços de saúde. As Pistas Diretas Planas reúne essas características que as tornam vantajosas para a correção de mordida cruzada. O tratamento foi realizado na Faculdade de Odontologia de Araçatuba- UNESP, no iniciando-se no ano 2006. Objetivo do trabalho foi apresentar um caso
more » ... sentar um caso clínico em que foi realizado a correção da mordida cruzada unilateral com recursos disponíveis em um consultório público. A paciente IMD, do sexo feminino, com 6 anos, apresentando mordida cruzada unilateral funcional dos dentes caninos e também dos dentes posteriores. Detectou-se, ainda uma diminuição transversal do arco superior o que conduziu a uma condição de mordida cruzada unilateral posterior. Foram realizados os ajustes oclusais nos caninos e dentes posteriores, porém não foi suficiente para reestabelecer o equilíbrio oclusal. Decidiu-se confeccionar as pistas diretas nos dentes caninos permitindo um equilíbrio funcional, o que evitou a alteração dos movimentos mastigatórios durante a fase de crescimento e correção da má-oclusão. A paciente realizou retornos semestrais para avaliação das condições das pistas e necessidades de novos ajustes oclusais. O acompanhamento foi realizado por cinco anos, até a estabilização da dentição permanente assegurando o sucesso do tratamento. Conclui-se que as Pistas Diretas Planas foram eficazes para correção da mordida cruzada posterior unilateral, e é essencial salientar o fato de que esse procedimento pode ser realizado nos serviços públicos.
doaj:66d0586c11b04d7e91f0bb99f631419f fatcat:zd2qrgondfa5ne4yub7bu5owhm