Organização e dinâmica da mobilização e participação política: os grêmios estudantis das escolas públicas e privadas de Santa Maria – RS

2020 Argumentos  
Este artigo analisa a organização e a dinâmica da mobilização política nos grêmios estudantis de Santa Maria – RS. O objetivo é verificar como atuam essas entidades e se conseguem mobilizar os estudantes não membros das direções a participarem das tomadas de decisão. Foram estudados sete grêmios, cinco da rede de ensino estadual e dois da particular, entre os anos de 2017 e 2018. Como procedimentos metodológicos, aplicou-se um questionário com os membros das direções e se analisou as atas
more » ... lisou as atas dessas entidades. Em termos teóricos, leva-se em conta um dos resultados do estudo Albuquerque (1977), que indica que associações estudantis que realizam atividades do tipo culturais tendem ter baixa participação política. Os dados indicam que os grêmios estudantis analisados, caracterizam-se por serem organizações do tipo cultural com baixa capacidade de mobilização. Com isso, evidencia-se a hipótese que nas entidades estudantis desse tipo tendem a ser fraca a participação nas tomadas de decisões.
doi:10.32887/issn.2527-2551v17n1p.178-204 fatcat:eg26mkx2d5f6bon2j2uh7s5rbq