Uso de terapias complementares e alternativas no manejo da artrose em idosos [thesis]

Letícia Farias Gerlack
RESUMO INTRODUÇÃO: O processo de envelhecimento, caracteriza-se pela presença de doenças crônicas degenerativas que podem resultar em elevada dependência entre a população idosa, como a osteoartrose. A medicina complementar e alternativa, contempla uma ampla categoria de práticas de cuidados de saúde. No Brasil, o Ministério da Saúde criou a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares no SUS, no intuito de garantir a integralidade na atenção à saúde. O objetivo do presente
more » ... é identificar as terapias complementares e alternativas utilizadas para o manejo de doenças articulares degenerativas em idosos utilizando duas bases de dados. A metodologia baseou-se em uma ampla revisão de dados de periódicos indexados (plataformas: PubMed e Biblioteca Virtual em Saúde (BVS). As palavras chaves utilizadas foram: osteoartrose, idosos, medicina alternativa, osteoarthrites, elderly e complementary therapies (língua inglesa). O critério adotado para seleção dos artigos foi: o uso e efeito de Terapias Complementares Alternativas (TCA) no tratamento de indivíduos acometidos pela osteoartrose. RESULTADOS: Nossos resultados apontam que atualmente há somente 90 artigos publicados nesse campo da ciência (Pubmed n = 82 e BVS n = 8). Da leitura exploratória foram selecionados apenas 26 artigos que se encaixavam no critério adotado. Nesses, identificamos que a terapia complementar mais utilizada é a acupuntura (31%), seguido de yoga (15%) e tai chi (11%). O joelho é a articulação mais acometida. CONCLUSÃO: A partir da verificação dos artigos selecionados e avaliados, pôdese averiguar que a acupuntura é a terapia mais procurada pela população idosa sendo a mesma empregada como método eficiente de intervenção terapêutica no tratamento da osteoartrose, entretanto são necessários mais estudos para uma melhor elucidação de como empregar as variadas terapias a fim de promover um método baseado em evidências.
doi:10.26512/2017.tcc.20623 fatcat:suotoxlcl5atzjiadmqadmiski