Políticas e práticas de desenvolvimento de programas de competência informacional em bibliotecas universitárias espanholas

Renata Braz Gonçalves, Aurora Cuevas -Cerveró
2017 Ciência da Informação  
Apresenta resultados de investigação sobre o desenvolvimento de programas de formação em competências informacionais nas universidades espanholas. Foram adotados como técnica de coleta de dados a análise documental de páginas de bibliotecas de 75 universidades, entrevistas e aplicação de questionários com profissionais de 21 instituições, além de observação direta. Os dados textuais coletados, as entrevistas transcritas e os registros das observações foram analisados a partir da análise de
more » ... da análise de conteúdo proposta por Bardin (2003). Constatou-se que, com o apoio e incentivo da Rebiun, grande parte das universidades espanholas iniciou o processo formação em competência informacional a partir da iniciativa das bibliotecas e dos bibliotecários em conjunto com outras unidades. Percebe-se que, embora haja programas de destaque por sua abrangência, estes ainda são uma minoria, refletindo heterogeneidade em relação à modalidade de aplicação (presencial ou a distância), públicos (alunos de graduação, pós-graduação, docentes e técnicos administrativos), forma (disciplinas inteiras obrigatórias, cursos de extensão optativos, palestras dentro de disciplinas, etc.). Contudo, conclui-se que essa prática está presente na agenda das equipes e que a cada dia tem se consolidado mais no conjunto dessas bibliotecas.
doaj:9722d8fc342940639326e0ab020aaa73 fatcat:276d63tudfeerj4wgnhisyzw4y