Felicidade e trabalho

Pedro F. Bendassolli
2007 GV-executivo  
<p class="MsoNormal" style="margin-bottom: 0.0001pt;"><span style="font-family: Verdana, sans-serif; font-size: 8pt;">&Eacute; grande, e crescente, o n&uacute;mero de pesquisas interessadas em descobrir o que &eacute; felicidade e o quanto as pessoas s&atilde;o felizes. Essas pesquisas ilustram novo humor em que a busca pela felicidade &eacute; um imperativo categ&oacute;rico. O artigo percorre rapidamente alguns momentos da hist&oacute;ria da felicidade&nbsp;</span><span style="font-family:
more » ... dana, sans-serif; font-size: 8pt;">no Ocidente e especula sobre seu sentido na atualidade. Por fim, analisa as rela&ccedil;&otilde;es entre felicidade e trabalho e questiona a real extens&atilde;o em que as pessoas podem ser felizes nas organiza&ccedil;&otilde;es.</span></p>
doi:10.12660/gvexec.v6n4.2007.34637 fatcat:hfroqeqmvbeqtof7l267knd7fq