Revisitando a questão da unidade da ciência preeminente na Metafísica de Aristóteles: a relevância do livro A para uma interpretação "arqueológica"

Guilherme Da Costa, Assunção Cecílio
unpublished
A Metafísica de Aristóteles contém diversas formulações que supostamente fariam referência a uma ciência suprema. Há, porém, considerável divergência no que tange à possibilidade de se compatibilizarem com sucesso essas diferentes fórmulas. Nossa meta aqui não é, todavia, tratar dessa questão em sua inteireza. Antes, pretendemos compreender o problema da ciência preeminente na obra e, além disso, indicar como a σοφίdescritaσοφίdescrita em Metaph. A possa oferecer os alicerces necessários para
more » ... solução desse problema. Assim sendo, no primeiro capítulo desta tese procuramos oferecer uma adequada visão de conjunto do problema da ciência preeminente na Metafísica, valendo-nos, para tanto, das contribuições de insignes aristotélicos. Já no segundo capítulo procuramos evidenciar, através duma detalhada análise de Metaph. A1-2, a importância da caracterização da σοφίcomoσοφίcomo ciência das causas primeiras ou princípios. Para concluir, apresentamos um esboço, ainda que simples e curto, do modo como a ciência das causas primeiras ou princípios seja capaz de conectar as diversas formulações de ciência preeminente abrangidas na Metafísica.
fatcat:vg7g74nrnzblzooqhbrxskdwcy