OBJETOS DE MEMÓRIA: UM ESTUDO DOS BRINQUEDOS COMO REFERÊNCIA DA DIVERSIDADE CULTURAL / MEMORY OBJECTS: A STUDY OF TOYS AS A REFERENCE FOR CULTURAL DIVERSITY

Ana Célia Carneiro Oliveira, Rita de Castro Engler, Nadja Maria Mourão, Rosilene Conceição Maciel
2021 Brazilian Journal of Development  
RESUMO Os objetos são carregados de simbolismos culturais, atravessam fronteiras e moldam-se aos costumes, materiais e modos de viver de um povo. Atravessam também o tempo, submetidos a constantes ressignificações passando do artesanal às incorporações do mundo tecnológico, industrial. Novas maneiras de brincar. Neste trabalho os brinquedos que atravessam fronteiras e se fazem presentes em diferentes culturas serão tomados como objeto de estudo. A narrativa procurou tratar o brinquedo como
more » ... brinquedo como objetos de memória e fonte de estudos, na medida em que refletem aspectos socioculturais e econômicos. A pesquisa documental descritiva buscou aprofundar no tema e aprimoramento de ideias a respeito da potencialidade lúdica e educativa do brinquedo. Como resultado, buscou-se consolidar conhecimentos acerca do brinquedo, como objeto de memória, como subsídio para propostas educacionais no estudo da diversidade cultural da América Latina. Os dados registrados podem contribuir com novos métodos educacionais, em formação de redes que fortaleçam o conhecimento de origens e uso dos objetos de memória como recurso didático e de qualidade de vida. Palavras-chave: Brinquedos infantis, diversidade cultural, objetos de memória, povos nativos, educação. Brazilian Journal of Development ABSTRACT The objects are loaded with cultural symbolisms, cross borders and mold themselves to the customs, materials and ways of life of a people. They also pass through time, subjected to constant reframing from artisanal to incorporations of the technological, industrial world. New ways to play. In this work, toys that cross borders and are present in different cultures will be taken as an object of study. The narrative sought to treat toys as objects of memory and a source of studies, insofar as they reflect socio-cultural and economic aspects. The descriptive documentary research sought to deepen the theme and improve ideas regarding the playful and educational potential of the toy. As a result, we sought to consolidate knowledge about toys, as an object of memory, as a basis for educational proposals in the study of Latin America's cultural diversity. The recorded data can contribute to new educational methods, forming networks that strengthen the knowledge of origins and the use of memory objects as a didactic resource and quality of life.
doi:10.34117/bjdv7n1-262 fatcat:appzgqugbfhvbfpnuxeksqk3zq