Barriers to Interaction University - Company: a Study of UFPE in the Pharmaceutical Sector of Pernambuco

SANTOS F. C. M., Universidade Federal de Pernambuco – UFPE, SILVA A. S., CHIMENTO M. R., Universidade Federal de Pernambuco – UFPE, Instituto Nacional da Propriedade Industrial – INPI
2020 Revista GEINTEC  
Resumo Para pesquisar os fatores que atuam como desestímulos à interação entre universidades e empresas para fomentar a inovação no segmento farmacêutico, marcado pelo investimento intenso em inovação, investigamos as experiências de pesquisadores do Departamento de Farmácia da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) com empresas locais do setor. Por meio de entrevistas com os pesquisadores e com representantes das empresas, foi possível observar elementos que afastam as duas partes de uma
more » ... as partes de uma interação marcada por incentivo à inovação, dentre eles identificamos a burocracia para formalizar parcerias, a crítica sobre o timing das empresas, a falta de capacitação em gestão da inovação nas universidades e falta de uma cultura de inovação nos dois polos. A conclusão é que urge a formação de recursos humanos e realização de comunicação voltada à inovação de modo a fomentar uma cultura de inovação no setor para se promover políticas públicas nesta área. Palavras-chave: interação universidadeempresa; burocracia; cultura de inovação. Abstract To investigate the factors that discourage interaction between universities and companies to foster innovation in the pharmaceutical segment, marked by intense investment in innovation, we investigated the experiences of researchers from the Department of Pharmacy of the Federal University of Pernambuco (UFPE) with local sector. Through interviews with researchers and company representatives, it was possible to observe elements that separate the two parts of an interaction marked by incentive to innovation, among them we identified the bureaucracy to formalize partnerships, the criticism about the timing of the companies, the lack of training in innovation management in universities and lack of a culture of innovation in the two poles. The conclusion is that it is urgent to train human resources and carry out communication focused on innovation in order to foster a culture of innovation in the sector in order to promote public policies in this area.
doi:10.7198/geintec.v10i4.1397 fatcat:jx3st3lrg5eofagxgrjxh3j6si