Associação de força de preensão palmar e osteoporose avaliada por densitometria óssea (DXA) em idosos quilombolas

Luiz Sinésio Silva Neto, Fabiane Aparecida Canaan Rezende, Daniella Pires Nunes, Erika Da Silva Maciel, Andreia Travassos, Neila Barbosa Osório
2018 Acta Fisiátrica  
Objetivo: Verificar a associação de força de preensão palmar e osteoporose em idosos quilombolas. Método: Trata-se de um estudo seccional com 70 participantes (idade 65,58 ± 6.67 anos) de ambos os sexos. A densidade mineral óssea (DMO), massa muscular (MM) e o percentual de gordura foram analisados pela absortometria de raios-x de dupla energia (DXA) e a força de preensão palmar (FPP) por meio do dinamômetro de mão. O ponto de coorte adotado para identificação de osteoporose foi o da
more » ... foi o da Organização Mundial de Saúde (OMS). A identificação do status da sarcopenia foi realizado para caraterização da amostra e para o diagnóstico foi utilizado os critérios propostos pelo European Working Group on Sarcopenia in Older People (EWGSOP). A FPP foi associada positivamente e significativamente com a DMO. Resultados: A osteopenia foi identificada em 42,8% da amostra e a osteoporose em 20%, sem diferença entre as frequências segundo o sexo (p = 0,161). Conclusão: Nos idosos quilombolas a baixa FPP esteve positivamente associada com baixa DMO. Portanto, sugerindo que a FPP pode ser considerada um fator de risco importante de estado ósseo em idosos quilombolas.
doi:10.11606/issn.2317-0190.v25i4a163868 fatcat:ta5neo7u6bdu3diznjv34ulstq