Relações de gênero na constituição epistemológica da Biblioteconomia: Margaret Egan e Frances Henne na Escola de Chicago

Keitty Rodrigues Vieira, Cezar Karpinski
2022 InCID Revista de Ciência da Informação e Documentação  
Objetiva discutir a influência das relações de gênero na constituição epistemológica da Biblioteconomia no contexto do movimento da Escola de Chicago. Aborda a história e conceito de "Epistemologia Social", proposto por Margaret Egan e Jesse Shera, mas que se difundiu apenas como uma teoria de Shera. Destaca a atuação de Frances E. Henne, primeira mulher a compor o corpo docente da Universidade de Chicago que, mesmo sendo uma das maiores especialistas em Biblioteca Escolar, não foi reconhecida
more » ... ntre os nomes de destaque do movimento. Pesquisa descritiva e qualitativa a partir de fontes bibliográficas analisadas sob a perspectiva do método histórico. Os resultados discutem o cerceamento feminino no campo científico, evidencia que o protagonismo de Egan e Henne ainda não foi devidamente reconhecido e que as relações de gênero influenciaram na constituição epistemológica da área.
doi:10.11606/issn.2178-2075.v13i1p197-215 fatcat:rundfj6igbdavcvyrjjvbbbm6m