Reflection on nursing management: are we all competent?

Luiza Pitthan, Laura Guido, Graciele Linch
2010 Revista de Enfermagem UFPE On Line  
Objective: to reflect on competencies of the nurse in managing health services. Methodology: Theoretical reflection. As source of attainment of the data one used articles argued in disciplines "Theoretical Conceptions in Management and Work" of the Program of masters degree in nursing/UFSM and other articles selected in the databases Lilacs and Medline, combined the experiences manager of a specialized unit. Results: it is observed that most of the nurses is not prepared to accept other
more » ... ccept other organization forms, different from the classic structure, adopted for many years in the nursing. Some characteristics of that management style, as the fragmentation of the activities, the impessoalidade in the relation, the centralization of the power and the rigid hierarchy are still outstanding in the nurse work. Conclusion: it is highlighted that the development of competencies depends on the situations lived and the exchanges that are made in the search for a common ideal, which is the assistance to the individual. Descriptors: nursing; management; practice management; professional competence. RESUMO Objetivo: refletir sobre as competências do enfermeiro para a gerência dos serviços de saúde. Metodologia: reflexão teórica. Como fonte de obtenção dos dados tilizaram-se artigos discutidos na disciplina "Concepções Teóricas em Gestão e Trabalho", do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem/UFSM, e outros artigos selecionados nas bases de dados Lilacs (Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde) e Medline (Literatura Internacional em Ciências da Saúde), aliados às vivências como gerente de uma unidade especializada. Resultados: observa-se que a maior parte dos enfermeiros não está preparada para aceitar outras formas de organização diferentes da estruturação clássica, adotada por muitos anos na enfermagem. Algumas características desse estilo de gerência, como a fragmentação das atividades, a impessoalidade nas relações, a centralização do poder e a rígida hierarquia ainda são marcantes no trabalho do enfermeiro. Conclusão: destaca-se que o desenvolvimento das competências depende das situações vividas e das trocas que realizamos com os nossos pares, na busca por um ideal comum, que é a assistência ao indivíduo de quem cuidamos. Descritores: enfermagem; gerência; gerenciamento de prática profissional; competência profissional. RESUMEN Objetivo: reflexionar sobre las competencias del enfermero para la gerencia de los servicios de salud. Metodología: reflexión teórica. Para la obtención de los datos fueron utilizados artículos discutidos en la asignatura "Concepciones Teóricas en Gestión y Trabajo" (Concepções Teóricas em Gestão e Trabalho) del Programa de Pos-Grado en Enfermería/UFSM y otros artículos seleccionados en las bases de datos Lilacs y Medline, juntamente con la experiencia que se ha obtenido al ser gerente de una unidad especializada. Resultados: se observa que la mayoría de los enfermeros no está preparada para aceptar otras formas de organización, diferentes de la estructura clásica, adoptada por durante muchos años en enfermería. Algunas características de ese estilo de gerenciamiento, como la fragmentación de las actividades, la impersonalidad en las relaciones, la centralización del poder y la rígida jerarquía aún son preponderantes en el trabajo del enfermero. Conclusión: se destaca que el desarrollo de las competencias depende de las situaciones vividas y de los cambios que realizamos con nuestros pares, en la búsqueda de un ideal común, que es la asistencia al individuo a quien cuidamos. Descriptores: Enfermería; Gerencia; Manejo práctico; Competencia profesional. Reflection on nursing management: are we... Rev enferm UFPE on line. 2010 jan./mar.;4(1):416-22 417
doi:10.5205/reuol.683-5729-1-le.0401201054 fatcat:z3v7n57akzcnbc3smbstcvwwem