As porosidades do consentimento. Pensando afetos e relações de intimidade

Camila Fernandes, Everton Rangel, María Elvira Díaz-Benítez, Oswaldo Zampiroli
2020 Sexualidad, Salud y Sociedad: Revista Latinoamericana  
Resumo O presente artigo tem como intuito analisar a categoria "consentimento", deslocando o debate dos direitos sexuais para vidas e relacionamentos íntimos. Neste universo dos afetos no âmbito do ordinário, é possível vislumbrar as vicissitudes em que o consentimento é experienciado em meio às diversas negociações de fronteiras simbólicas e morais. O esforço aqui é compreender as limitações na interpretação do consentimento como um exercício da autonomia e da razão frente às torções que a
more » ... s torções que a intimidade lhe imprime, possibilitando outras gramáticas do consentir e evidenciando seu caráter poroso, ambivalente e amiudado. Para tal, apresentaremos três etnografias que estão comprometidas com um olhar fenomenológico da vida ordinária: sobre mulheres trans e travestis que buscam relações e casamentos estáveis, sobre mães 'nervosas' e seus 'corpos abertos' em territórios de precariedade social e sobre negociações complicadas na inserção de um familiar condenado por estupro.
doi:10.1590/1984-6487.sess.2020.35.09.a fatcat:bwwbj5qnejbdtox2d2govbxeju