Aplicabilidade de instrumentos de avaliação da qualidade da dieta para longevos: estudo ampal

Valéria Baccarin Ianiski, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Flávia Picoli Gheno, Ângelo José Gonçalves Bós, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
2019 Geriatrics Gerontology and Aging  
OBJETIVO: Comparar a aplicabilidade do questionário do guia alimentar "Como ter uma alimentação saudável" (QGAS), proposto em 2006 pelo Ministério da Saúde, e do questionário de alimentação saudável da Pesquisa Nacional de Saúde (PNS) de 2013 com relação à qualidade da dieta em longevos (85 anos ou mais) avaliados por uma equipe multiprofissional. MÉTODO: Estudo descritivo, quantitativo, transversal e analítico, em que foram avaliados em domicílio 44 longevos participantes de um projeto
more » ... fissional de atenção ao idoso, realizado na cidade de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil. Os hábitos alimentares foram avaliados a partir de dois questionários de investigação de hábitos alimentares, aplicados por entrevistadores nutricionistas e demais profissionais da área da saúde. Os itens alimentares constantes na PNS foram pontuados a partir de uma adaptação da pontuação proposta no QGAS para fins de comparação entre eles. RESULTADOS: O questionário da PNS foi mais fácil de ser aplicado por profissional não nutricionista, sendo significativamente relacionado ao QGAS com um coeficiente de correlação (r 2 ) de 0,67. Quanto à avaliação da dieta, as mulheres apresentam melhor qualidade da dieta no QGAS (10 dos 18 itens avaliados), enquanto no instrumento da PNS os homens apresentaram mais itens saudáveis (8 dos 15 itens avaliados). CONCLUSÃO: O questionário da PNS apresentou boa correlação com o QGAS na avaliação da qualidade da dieta em nonagenários e centenários. PALAVRAS-CHAVE: longevidade; inquéritos e questionários; dieta saudável; idoso de 80 anos ou mais.
doi:10.5327/z2447-211520191900023 fatcat:ivy4wpzabrgkdmja3ihpljro3q