Django Livre e o Western: Uma aproximação com a teoria de André Bazin

Belisa Figueiró
2017 Sessões do Imaginário  
Este trabalho apresenta a teoria do autor francês André Bazin sobre o western e suas diversas ramificações e alterações ao longo das últimas décadas, com especial aplicação na análise do filme Django Livre (Django Unchained, Quentin Tarantino, 2012), do diretor norte-americano Quentin Tarantino. Após tantas transformações e readaptações dos filmes ao gênero, será que Bazin legitimaria esta obra cinematográfica dentro dos cânones de pureza propostos por ele?
doi:10.15448/1980-3710.2017.1.22614 fatcat:2jygxn7ybfdstiag5yw7ih42ge