ESCOLHAS CONTÁBEIS: ANÁLISE DOS MÉTODOS DE AVALIAÇÃO DE ESTOQUES ANTES E APÓS IMPLEMENTAÇÃO DO IFRS ACCOUNTING CHOICE: INVENTORY ACCOUNTING CHOICE ANALYSIS BEFORE AND AFTER IFRS ADOPTION

Adolfo Coutinho, Silva, Thiago Medeiros De Souza Barranco
2015 unpublished
Resumo: O objetivo do estudo foi identificar os métodos de avaliação de estoques adotados pelas sociedades anônimas de capital aberto após a implementação do IFRS, bem como analisar os determinantes econômicos para a escolha do método de avaliação utilizado. A revisão da literatura tratou da Teoria Positiva da Contabilidade e da Hipótese Ricardiana, podendo incluir, nestas, as escolhas contábeis referentes ao método de avaliação dos estoques; e o Pronunciamento Técnico CPC 16 R1-Estoques
more » ... fruto do processo de convergência às normas internacionais de contabilidade. Após coleta manual das informações nos relatórios anuais do período entre 2007 e 2011, constatou-se que quase a totalidade das empresas adotou o método de avaliação dos estoques pelo custo médio ponderado. Diante deste fato, optou-se pela adoção da metodologia de estudo de caso para análise da motivação das escolhas contábeis para o caso identificado como excepcional. Os resultados observados permitem afirmar que a escolha do método de avaliação de estoques pelo custo médio ponderado adotado pelas empresas em geral está consistente com a hipótese da redução da carga tributária (planejamento fiscal), diante do cenário econômico vigente no período estudado. Para a única empresa que adotou o método PEPS, que atua no setor químico, observa-se que apenas o Princípio Ricardiano da Vantagem Comparativa ajuda na compreensão do motivo de escolha da referida prática contábil. Os resultados apresentados estão consistentes com literatura estudada e apresentam informações relevantes sobre as práticas contábeis utilizadas pelas empresas brasileiras. Palavras-chave: métodos de avaliação de estoque; práticas contábeis; Teoria Positiva de Contabilidade; normas internacionais de contabilidade. Abstract: The aim of this paper was to identify valuation inventory methods adopted by publicly traded corporations after IFRS implementation, as well to analyze the economic determinants for the choice of valuation method used. The literature review addressed the theories used in accounting choices explanation (specially the Positive Theory of Accounting and Ricardian Hypothesis), including the accounting choices regarding valuation inventory methods; and Accounting Standard CPC 16 (2009), about inventories, the result of convergence to international accounting standards. After manual search
fatcat:3zn5ou7dpbaxlmvmy45zimavsq