A memória na comunidade científica e museológica moderna

Ana Luísa Janeira
2005 Zenodo  
RESUMO: Com origem latina transmitida pelo étimo memor, oris — que se lembra, que se recorda, que adverte, que traz à memória, reconhecido, grato — e memoria, ae — memória, lembrança, reminiscência, tempo passado, tradição —, a palavra «memória» tem como sinónimos: lembrança, linhagem, registo, tradição, es(ins)crita, acepções que se encontram incorporadas ao processo das ciências modernas. Para situar a função e a representatividade da memória na comunidade científica actual, convém começar
more » ... descrever como é que elas intervieram historicamente, focando nomeadamente o modo como foram emergindo; depois, passar a circunscrever as mudanças mais significativas ao longo deste processo, sem esquecer as demarcações susceptíveis de importância, para se possibilitar um pronunciamento fundamentado, quando se pretende caracterizá-las dentro da configuração epistemológica que nos permite pensar. É preciso também inseri-las na desconstrução que a categoria do tempo, aproximado do instante, e a categoria do espaço, equiparado ao próximo, estão a sofrer, por meio de mecanismos inerentes ao impacto tecnológico e ao fenómeno da globalização. A tradição e a memória individual ou colectiva (social) dos cientistas e museólogos, tema que inclui as influências intervindo na construção da identidade e da cultura inerente ao que pensam e fazem, engloba ainda como o seu conhecimento se (re)produz, com destaque para as metodologias. Por outras palavras, os meios onde os cientistas e os museólogos contornam e são contornados pela memória, as fronteiras, margens e pontes dos mecanismos de troca nas ciências, e como actuam nelas os termos sociais e culturais da vertente histórica.! Palavras-chave: memória; comunidade científica; museologia. MEMORY IN THE MODERN SCIENTIFIC AND MUSEOLOGICAL COMMUNTTY Abstract: With a Latin origin, transmitted by the root memor, oris — that remembers, that recalls, that admonishes, that brings to memory, grateful — and memoria, ae — memory, [...]
doi:10.5281/zenodo.6551036 fatcat:eagllj3c3bdrhnymoflmvj4x3q