O Rei da Vela, A Navalha na Carne e a evolução do personagem homossexual no teatro brasileiro

Carolina De Melo Ferraresi
2018 Revista aSPAs  
Este artigo aborda dois personagens interpretados pelo ator Edgard Gurgel Aranha, falecido em 1990, em duas peças estreadas em 1967, O rei da vela e A navalha na carne. A partir de entrevistas com o próprio Edgard e com o ator Sérgio Mamberti, notícias de jornal e críticas da época, traça-se um panorama da evolução do personagem homossexual, refletindo o momento atual com base em obras tão emblemáticas e importantes para o teatro nacional. Palavras-chave: Teatro Brasileiro, Homossexualidade, História do Teatro Brasileiro.
doi:10.11606/issn.2238-3999.v8i1p145-162 fatcat:q6g6jshld5anlmmnsdb354s7wu