Águias, cisnes e vermes: o imaginário animal na literatura simbolista e decadentista [thesis]

Bruno Anselmi Matangrano
Agradeço ao Rogério Almeida, meu primeiro incentivador, professor tornado querido amigo, cujo apoio foi essencial para eu me decidir pelo caminho das Letras; aos amigos da Non Plus, e, em particular, Ana Luiza Bedê, Dirceu Magri, Grace Paixão, Jaci Brasil e Yuri dos Anjos, com quem tanto trabalhei nos últimos anos. Aos amigos da Desassossego, sobretudo, Ana Cristina Joaquim e Carlos Gontijo, companheiros de percurso. Agradeço também ao André Serradas do SIBI, pela ajuda incansável em fazer
more » ... sável em fazer crescerem e prosperarem as revistas que coeditei com tanto carinho desde 2012. Obrigado também pelo ombro amigo nos momentos difíceis. Agradeço muito ao Tomaz Adour, pela amizade e apoio de sempre, sobretudo pela paciência e compreensão nesses últimos anos, quando todos os nossos planos editoriais tiveram de aguardar o fim da tese. A Felipe Leonard, João Matias, Rodrigo Normando, Carlos Daniel Vieira e, em particular, a Henrique Marques, por toda a ajuda e paciência nas importantes aulas de inglês, e à Marcela Monteiro, cuja presença, dedicada ajuda e revisão na atribulada fase final de redação foi essencial. Aos amigos Daniel Marinho, Daniel Nagata, Eduardo Fernandes e Renato Eusébio, pelo carinho e preocupação de sempre. Aos meus amigos fantasistas porto-alegrenses, santa-marienses, curitibanos, paulistas e cariocas, muito obrigado. Deixo, em especial, um muito enfático agradecimento à Giovana Bomentre, que me socorreu generosamente em mais de um momento e quando mais precisei, bem como ao Felipe Castilho e ao Eric Novello, por todo o carinho e apoio nos planos e projetos mais mirabolantes, bem como pelas carinhosas mensagens diárias de incentivo na fase final de redação. Um agradecimento muito especial também ao Enéias Tavares, amigo e parceiro de inúmeros projetos, com quem compartilho o gosto pela literatura fantástica, pelo século XIX e pelos monstros que os povoam. Muito obrigado pelas conversas, conselhos diários e pelos sempre presentes ombros e ouvidos amigos. Destaco também outro agradecimento muito especial ao Leonardo de Barros Sasaki, irmão de orientação e amigo sempre disposto a ajudar, pela amizade dedicada, pela parceria na edição da Desassossego e por todos os conselhos e ajuda nesse longo percurso de pesquisa que ultrapassa bastante os cinco anos de doutorado. Agradeço, por fim, de modo muito especial à minha imensa e amada família, os Anselmi, os Matangrano e os Chiovatto, pelo amor e carinho incondicional. Agradeço de todo coração aos meus pais, Lilian e Renato, que nunca medem esforços para me ajudar e se fazerem presentes, a meu irmão Lucas, a meus avós, Geneffe, Reinaldo, Marilene e
doi:10.11606/t.8.2019.tde-07062019-110830 fatcat:kqwghno5sndavgih2lupcaekhe