Análise de séries temporais de focos de calor em biomas brasileiros utilizando o método Gráfico de Recorrência

Vaniele da Silva Barros, Leika Irabele Tenório de Santana, Joelma Mayara da Silva, Lidiane da Silva Araújo, Cristiane Rocha Albuquerque, Tatijana Stosic
2021 Research, Society and Development  
As queimadas são processos complexos que podem ter causas naturais ou antrópicas, e seus efeitos num ecossistema variam de acordo com sua sensibilidade. A recorrência de focos de incêndio pode afetar o equilíbrio ambiental e a saúde humana. Assim, faz-se necessário monitorar a ocorrência do fogo e compreender sua dinâmica. No Brasil, o monitoramento é feito via satélite, com que se detectam os focos de calor, trabalho este realizado pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). Com o
more » ... ais (INPE). Com o objetivo de investigar a variabilidade temporal das queimadas nos biomas Amazônia, Cerrado, Caatinga e Mata Atlântica, utilizou-se o método Gráfico de Recorrência e a Análise de Quantificação de Recorrência, desenvolvidos para o estudo da dinâmica não linear de séries temporais. Foram então analisadas as séries diárias de focos de calor nesses biomas geradas a partir de dados disponibilizados pelo INPE, registrados entre julho/2002 e dezembro/2019. Os gráficos de recorrência de focos de calor para os biomas Amazônia e Cerrado mostraram que seus sistemas dinâmicos de queimadas possuem parâmetros que variam lentamente e são não-estacionários. Observou-se também estrutura semiperiódica para o bioma Caatinga, e descontínua para o bioma Mata Atlântica, indicando, para este último, mudanças repentinas na dinâmica. Além disso, de acordo com a Análise de Quantificação de Recorrência, a série temporal de queimadas no bioma Mata Atlântica apresentou a menor previsibilidade e o maior grau de desordem, enquanto o bioma Caatinga revelou série temporal de focos de calor mais previsível e com dinâmica mais estável.
doi:10.33448/rsd-v10i4.13925 fatcat:7vfmh6pvmne4vjtjjazh5utndq