A FAUNA DE PEIXES DO RIO TOCANTINS, BACIA ARAGUAIA-TOCANTINS: COMPOSIÇÃO, CONSERVAÇÃO E DIVERSIDADE

Leonardo Oliveira da Silva Coelho, Filipe Dos Santos Alves, Thamires Barroso Lima, Louize Nascimento, Rogério Taygra Vasconcelos Fernandes, Jônnata Fernandes de Oliveira
2021 Acta Tecnológica  
<p class="04CorpodoTexto">Nos últimos anos, houve um esforço considerável de pesquisas com o intuito de identificar e avaliar o estado de conservação das espécies de peixes que ocorrem em ambientes dulcícolas. Entretanto, algumas regiões do Brasil carecem de informações dessa natureza. A exemplo, temos a região da bacia hidrográfica do rio Tocantins. Nessa rede de drenagem, diversas alterações ambientais têm causado um declínio na biodiversidade local, dentre as quais, destaca-se: supressão da
more » ... a-se: supressão da mata ciliar, descarte de efluentes, construção de hidroelétrica, dentre outras atividades. Isso sugere a necessidade de estudos que avaliem a composição e o estado de conservação das espécies de peixes. Com base nisso, buscou-se descrever e atualizar o estado de conservação da ictiofauna do rio Tocantins, bacia Araguaia-Tocantins. O estudo foi realizado a partir de pesquisa bibliográfica, posteriormente, os dados coletados foram tabulados em planilha eletrônica e as estatísticas executadas no programa PAST. Os resultados do estudo fornecem informações atualizadas sobre o estado de conservação de 395 espécies de peixes do rio Tocantins. Dentre as quais, 69 não foram avaliadas, 30 não possuem dados suficientes, 11 estão quase ameaçadas e poderão se enquadrar em uma categoria de ameaça nos próximos anos, e 30 estão ameaçadas de extinção. Esses resultados servirão como suporte para ações de planejamento, programas de monitoramento e conservação da ictiofauna, uma vez que, estratégias de conservação eficazes precisam de informações precisas e representativas sobre a ocorrência e distribuição das espécies.</p>
doi:10.35818/acta.v15i1.897 fatcat:gmcve5z4zres3bkzzjt6rjw25u