APROPRIAÇÃO DE IMAGENS NO BRASIL E REFERENCIALIDADE HISTÓRICA

Rodrigues Dilson, Midlej
unpublished
RESUMO Este artigo enfoca os vínculos de referencialidade histórica de imagens "antigas" da história da arte, apropriadas pelos artistas brasileiros Paulo Vivacqua, Daniel Senise, Waltercio Caldas e Carla Zaccagnini e discute o reconhecimento, pelo fruidor, da fonte original de procedência da imagem apropriada, ou seja, da necessidade de um repertório visual de conhecimento prévio do fruidor para perceber o efetivo trânsito de imagem de um período a outro, promovido pelos artistas, o que limita
more » ... mas não impede a compreensão das obras. Essa necessidade de conhecimento prévio da história da arte foi apontada por Karen Hamblen e Arthur Danto como inerentes a parte da produção da arte contemporânea e, por extensão, ao procedimento de apropriação de imagens. Assim, a apropriação tanto problematiza a referencialidade histórica, quanto reestrutura seus significados. PALAVRAS-CHAVE apropriação de imagens; arte contemporânea brasileira; ressignificação de imagens. ABSTRACT This article focuses on the historical referentiality ties of "old" art history's images appropriated by Brazilian artists Paulo Vivacqua, Daniel Senise, Waltercio Caldas and Carla Zaccagnini and discusses the recognition by the spectator of the source of the appropriated image, that is, the need for a visual repertoire of prior knowledge of the spectator to perceive the actual traffic of image from one period to another, promoted by the artists, which limits but does not impede understanding the works. This need for prior knowledge of art history was reported by Karen Hamblen and Arthur Danto as inherent part of the production of contemporary art and, by extension, to the image appropriation procedure. Thus, the appropriation both questions the historical referentiality, as restructures their meanings.
fatcat:mx2u52qi3jaohowamxm554p5wy