Comportamento infocomunicacional: um diagnóstico entre estudantes para a promoção de competências infocomunicacionais

Gleise Da Silva Brandão, Jaires Oliveira Santos, Jussara Borges
2020 Informação & Informação  
Pretende-se, neste artigo, conhecer o comportamento infocomunicacional de um grupo como diagnóstico necessário antes de ofertar um curso de competências infocomunicacionais. Nesse sentido, adota-se a abordagem quanti-qualitativa, na perspectiva de quantificar os dados, mas também oferecer interpretações e inferências qualitativas. A coleta de dados deu-se a partir da aplicação de um questionário, respondido por 15 estudantes de Arquivologia e Biblioteconomia sobre seu comportamento perante à
more » ... ormação e à comunicação. Portanto, trata-se da percepção dos próprios estudantes a partir de questões de múltipla escolha. Os resultados indicaram que os sujeitos investigados buscam informações sobre temas gerais para sanar necessidades corriqueiras, utilizando estratégias de busca, confrontam e avaliam as informações, especialmente quanto à atualização e ao contexto para que seja possível identificar manipulação, distinguindo, sobretudo, fatos de opiniões. No aspecto comunicacional, utilizam aplicativos de mensagens instantâneas e correio eletrônico como ferramentas de comunicação e também as redes sociais para se manterem informados e compartilhar conteúdos. Preocupam-se com a confiabilidade da informação, porém possuem limitações relacionadas à interação efetiva nesses espaços. Conclui-se que o delineamento de um perfil infocomunicacional é determinante para o sucesso de ações e estratégias que favoreçam a promoção de competências infocomunicacionais.
doi:10.5433/1981-8920.2020v25n4p670 fatcat:7zfouv6lmvgfzo33djazyuygey