Impacto da formação médica sobre consciência de estudantes de medicina da Unicamp

Gastao Wagner De Sousa Campos, Gabriel Freitas De Barros
2015 Anais do Congresso de Iniciação Científica da Unicamp   unpublished
Resumo As transformações do mundo do trabalho na sociedade atual exigem novas características da educação para qualificação da força de trabalho. Com a flexibilização do trabalho a partir da década de 70, e a substituição do trabalho vivo pelo trabalho morto, torna-se ainda mais evidente a importância da formação ideológica dos trabalhadores. Diante dessas transformações, é mister o entendimento de como se dá a mudança de consciência dos estudantes de medicina ao longo de sua graduação.
doi:10.19146/pibic-2015-37268 fatcat:zxplh4t5fraefpww4ml2vagwx4