Avaliação do bem-estar no transporte e nos currais de descanso pela ocorrência de lesões em carcaças de suínos abatidos em matadouro

Alexandra Sofia Esteves, Cristina Saraiva, Carla Morgado, Maria Fontes, Paulo Ribeiro, Kamila Soares, Sonia Saraiva
2014 Brazilian Journal of Veterinary Research and Animal Science  
Resumo Bem-Estar Animal consiste no estado do animal em sua tentativa de adaptação ao meio ambiente envolvente, podendo ser medido e melhorado com a ação do ser humano. Nos últimos anos o tema "Bem-Estar Animal" tem adquirido importância, resultante das grandes preocupações com o manejo dos animais em vida e constatação da influência que este tem na qualidade da carne post mortem. Este trabalho teve como objetivo determinar o efeito do lote de suínos transportados, respectivo tamanho, tipo de
more » ... tamanho, tipo de trajeto e do tempo decorrido entre a origem e o abate na ocorrência de lesões, consideradas indicadores mínimos de bem-estar animal em matadouro. Nos matadouros de suínos da região norte de Portugal, foram monitorados 834 animais com relação à ocorrência de lesões compatíveis com lacerações, eritemas cutâneos, hematomas e fraturas, em cinco diferentes lotes. Pela análise global dos dados, verificou-se que as lacerações estavam presentes em 72% dos animais e foi o tipo de lesão mais frequentemente observado. Seguiram-se os eritemas cutâneos em 20%, os hematomas em 11% e as fraturas em apenas 1% dos animais. O tamanho do lote de animais transportados, a duração da viagem e o tempo de permanência no matadouro influenciaram significativamente a ocorrência das lesões monitoradas, nomeadamente lacerações, eritemas e hematomas. Palavras-chave: Bem-estar animal. Transporte. Indicadores lesionais. Suínos. Abstract Animal welfare is the state of the animal in its attempts to cope with its environment, and it can be measured and improved by the action of man. Recently, the topic "Animal Welfare" has become more important, resulting from the discovery that the management of animals in life has impact on the post mortem meat quality. This study aimed to determine the effect of transport batch number of pigs transported by batch, type of route and the time elapsed between the exploration and slaughter in the occurrence of lesions, considered as indicators of animal welfare at the slaughterhouse. At one slaughterhouse of pigs located in the northern of Portugal, 834 animals were monitored in order to check the occurrence of lesions consistent with lacerations, erythema, bruising and fractures, from a total of five different transport batches. The global analysis of the data showed that lacerations were present in 72% of animals and was the most common type of lesion, followed by erythema, bruises and broken bones presented in 20%, 11% and 1% respectively. The size of each batch, the duration of the journey and the time spent in the lairage significantly influenced the occurrence of observed lesions, particularly, lacerations, erythema and bruising.
doi:10.11606/issn.1678-4456.v51i4p333-339 fatcat:sw2ahahcjfg2pfx4ac2dbj3d3u