Sexualidade de mulheres em tratamento para neoplasias da mama: enfoque na teoria da adaptação / Sexuality of women undergoing treatment for breast cancer: focus on the theory of adaptation

Maira de Melo Freire Calheiros, Amuzza Aylla Pereira dos Santos, Sueli Teresinha Cruz Rodrigues, Básia Menezes Hagen, José Augustinho Mendes Santos, Deborah Moura Novaes Acioli
2021 Brazilian Journal of Development  
RESUMO Objetivo: Descrever quais adaptações que envolvem a sexualidade das mulheres durante os tratamentos de neoplasias da mama. Métodos: Trata-se de um estudo qualitativo, descritivo, exploratório, realizado com quinze mulheres em tratamento de neoplasias da mama no Centro de Alta Complexidade em Oncologia do hospital universitário. Os dados foram submetidos a técnica de análise Temática de Minayo e discutidos de acordo com a teoria da adaptação. Resultados: A maioria das mulheres sofre
more » ... ulheres sofre problemas de adaptação à nova realidade, sendo a imagem corporal bastante afetada durante o tratamento. Sentimentos de tristeza, vergonha, rejeição, insatisfação, medo e mutilação foram Brazilian Journal of Development descritos na maioria das falas. Contudo, a depender da sua capacidade de adaptação e enfrentamento, algumas mulheres demonstraram esperança, coragem e conseguiram identificar ganhos em meio a algumas perdas, tornando esse período um período de mudança e crescimento. Conclusão: A maneira como cada mulher vivencia o adoecimento influencia diretamente na sua sexualidade, dessa forma, os profissionais de enfermagem, juntamente com a equipe multiprofissional de saúde devem estar preparados para a infinidade de possibilidades de vivências e experiências em relação a esse tema. Palavras-Chave: Neoplasias da Mama, Sexualidade, Mulheres, Enfermagem. ABSTRACT Objective: To describe which adaptations involve women's sexuality during breast cancer treatments. Methods: This is a qualitative, descriptive, exploratory study conducted with fifteen women undergoing treatment for breast cancer at the Center for High Complexity in Oncology of the university hospital. The data were submitted to the technique of Thematic analysis by Minayo and discussed according to the adaptation theory. Results: Most women suffer from problems adapting to the new reality, with body image being greatly affected during treatment. Feelings of sadness, shame, rejection, dissatisfaction, fear and mutilation were described in most statements. However, depending on their ability to adapt and cope, some women showed hope, courage and were able to identify gains amid some losses, making this period a period of change and growth. Conclusion: The way in which each woman experiences illness directly influences her sexuality, thus, nursing professionals, together with the multiprofessional health team, must be prepared for the infinite possibilities of experiences in relation to this theme.
doi:10.34117/bjdv7n4-332 fatcat:r6bm6fx46bfbdafgt4qfkwyea4