A QUESTÃO DA CULTURA E DA SUBJETIVIDADE: REVISÃO DE UM ESTUDO IMPLICADO COM POLÍTICAS AFIRMATIVAS NA EDUCAÇÃO

Marly Silveira
2013 Inter-Ação  
resumo: Nos marcos da Constituição Cidadã de 1988 e ordenamentos jurídicos, políticos e socioeconômicos decorrentes, reverberam no campo da educação, repercutindo nas diretrizes nacionais, significativas demandas relativas às condições materiais e imateriais da plena cidadania. Traduzem-se nas intervenções conhecidas como políticas e ações afirmativas, de reconhecimento e valorização de identidades e culturas, e de promoção da igualdade. Nessa temática, destacamos como base do processo, as
more » ... o processo, as políticas curriculares de formação dos professores (as) e a concepção e construção de materiais pedagógicos. No intuito de participar dessa discussão, apresentamos a revisão de um estudo que enfoca aspectos das relações entre a questão da cultura e da subjetividade. Entende-se a compreensão dessas relações como pilar da discussão da finalidade e das ações da escola. pAlAvrAs chAve: Políticas afirmativas. Formação cultural. Cultura. Subjetividade. introdução Observa-se que as políticas públicas para a educação em nosso país -embora distantes de responder às necessidades do desenvolvimento social em curso e aos desejos da maioria de sua juventude -apontam a institucionalização de demandas muito caras a grandes parcelas da população que, historicamente, estiveram à margem da mobilidade em direção a uma vida digna; por exemplo, a incorporação de temas de estudo como história * Artigo recebido em 4/5/2012 e aprovado em 14/8/2012. A questão da cultura e da subjetividade: revisão de um estudo...
doi:10.5216/ia.v38i1.25157 fatcat:eq3gwa3xcfc3zgq7idvrrmhdiq