Testes de toxicidade aguda através de bioensaios no extrato solubilizado dos resíduos classe II A - não inertes e classe II B - inertes

Nébora Liz Vendramin Brasil Rodrigues, Urivald Pawlowsky
2007 Engenharia Sanitaria e Ambiental  
A grande diversidade de substâncias potencialmente tóxicas contribuem para a deterioração do meio ambiente. O objetivo deste trabalho foi propor a utilização de bioensaios, através de testes de toxicidade aguda com Daphnia magna e Vibrio fischeri, como mais um parâmetro a ser analisado no extrato solubilizado dos resíduos que, segundo a NBR 10004/04 fossem classificados como classe II A - não inertes ou classe II B - inertes. Realizaram-se, também, testes de toxicidade no drenado dos aterros
more » ... nado dos aterros classe II A e II B. Verificou-se que a toxicidade foi constatada nos extratos solubilizados dos 18 resíduos analisados e que, apenas três das amostras estariam próprias para lançamento, ou seja os resíduos 04, 14 e 15. Já, a toxicidade encontrada no drenado dos aterros, ficou muito superior do que a toxicidade de cada extrato solubilizado analisado separadamente.
doi:10.1590/s1413-41522007000100002 fatcat:6wgp6dav65einpwqvz5lg6avru