Características clínicas e epidemiológicas de 20 pacientes portadores de esclerose múltipla acompanhados em Cuiabá - Mato Grosso

Anderson Kuntz Grzesiuk
2006 Arquivos de Neuro-Psiquiatria  
A esclerose múltipla é uma doença imunomediada do sistema nervoso central com ampla variação nos seus aspectos clínicos. No Brasil, aspectos étnicos e demográficos demonstram estas variações, como observado em várias casuísticas brasileiras. O presente estudo retrospectivo consta da análise descritiva dos aspectos clínicos e epidemiológicos de 20 casos de esclerose múltipla acompanhados em Cuiabá, cidade situada na região centro-oeste do Brasil. Os pacientes foram diagnosticados no período
more » ... dos no período entre 1998 e 2005 no ambulatório de Neurologia do CRIDAC. Houve predomínio no sexo feminino (75%), sendo observada significativa incidência sobre a etnia negra (20%). A média do EDSS inicial/final foi 1,85/3,9. A forma evolutiva mais comum foi a remitente-recorrente (75%), com 55% do total de pacientes sendo naturais de Mato Grosso. Os sintomas piramidais (90%), cerebelares (60%) e visuais (25%) foram os mais freqüentemente observados. Todos os pacientes estavam em uso de imunomoduladores ou imunossupressores.
doi:10.1590/s0004-282x2006000400022 pmid:17119809 fatcat:f2tid6miwjcvtiiz4m6lpmo2jy