Medidas de nasalância da fala de crianças com fissura lábio-palatina e sua correlação com o julgamento perceptivo-auditivo da nasalidade [thesis]

Luciana Silva
iv "Deixe cada um tornar-se tudo o que for capaz de ser Expandir-se, se possível, até seu florescimento. Suportar todas as limitações, rejeitar tudo o que for estranho, Especialmente os aspectos nocivos. E mostrar-se em toda a grandeza de sua dimensão e estatura. SER AQUILO QUE PUDER!" Karl König v DEDICATÓRIA Dedico este trabalho e todo o meu mestrado a minha mãe. Uma mulher que "Ousou ser feliz e foi"... Que sempre me incentivou a buscar o "melhor" para ser feliz, seguindo meu coração. E
more » ... meu coração. E mesmo nos seus últimos momentos de lucidez, ainda me encorajou a conquistar o que ela não havia conseguido. "Mã Quelida", só não desisti por você! Sempre que pensava em desistir, me lembrava das suas últimas palavras e insistia neste "nosso" sonho. Como foi difícil separar as coisas! Sentir-me realizada, e seguir meu caminho sem você! Que saudade enorme! Como eu queria tê-la ao meu lado para dividir cada angústia, cada alegria que vivi nestes dois anos. Mesmo diante das adversidades, cheguei ao fim. Espero que aí no céu, você esteja feliz com mais esta "nossa" conquista. "I love you!" Saudades... vi AGRADECIMENTOS ESPECIAIS Agradeço inicialmente ao meu Pai. Um homem sempre exemplar. Sem ele eu não poderia estar aqui, tão pouco concluir este mestrado. Ao meu irmão, pela força e carinho. Carlos, também lhe peço desculpas pela minha ausência nos seus momentos mais difíceis, quando precisou muito de mim e não me encontrou, pois, em função das minhas escolhas, não pude fazer tudo. À Julia, minha sobrinha tão linda! Que também fui ausente, deixando de acompanhar seus primeiros momentos. Mas prometo que recuperaremos todo este tempo em que não estivemos juntas! Ao Francisco, pelo amor, carinho e paciência! Pode ter certeza que vai valer à pena! vii AGRADECIMENTOS À Prof a Dr a Maria Inês Pegoraro-Krook, coordenadora do Programa de Pós-graduação em Fonoaudiologia do Departamento de Fonoaudiologia da FOB -USP e orientadora deste trabalho, sou grata e me sinto privilegiada em ser sua orientanda. À Dr a Jeniffer De Cássia Rillo Dutka Souza. Nunca saberei como te agradecer por tudo que fez por mim! Sem você esta dissertação não seria a mesma. Como aprendi com você! Mestre, amiga, companheira... Tudo que aprendi neste último ano, devo a você. Obrigada pela paciência, carinho e dedicação! À professora Luciana Paula Maximino De-Vitto. Obrigada pelas palavras de carinho, apoio, por acreditar em mim e me incentivar sempre. Você é uma das grandes responsáveis pela minha paixão pela linguagem e um exemplo de professora que quero seguir sempre. A equipe do projeto Flórida. Sempre todos dispostos a ajudar, em especial a Teresa e a Andréa: obrigada. pelo apoio nos meus momentos mais difíceis. E aos que me ajudaram diretamente na realização do trabalho: Douglas, Robert e Rita. O que seria de mim, sem vocês? viii Às meninas da Fonética, Simone, Iara e Janaína: nossas "terapias em grupo" foram ótimas! À Olívia, que mesmo chegando neste final, tem sempre uma palavra otimista. Espero que sejamos amigas por muito tempo. À Tia Maria Helena, pelas correções de português. Sempre disposta a ajudar! Muito obrigada. Enfim, a todos que me apoiaram e me incentivaram com palavras amigas, que estiveram sempre ao lado.
doi:10.11606/d.25.2007.tde-20062007-093520 fatcat:mv7lcthsejekhebx6lq57dldze