"É BOM APRENDER": DISCUSSÕES SOBRE GÊNERO E DIVERSIDADE SEXUAL NOS LIVROS DIDÁTICOS DA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS

Francisca Jocineide da Costa e Silva
2015 Revista Espaço do Currículo  
Este trabalho de conclusão do Curso de Pedagogia objetivou analisar como se configura a abordagem das temáticas de gênero, sexualidade e orientação sexual nos três livros didáticos da coleção "É Bom Aprender" destinados à modalidade de Educação de Jovens e Adultos e adotados em uma escola pública de João Pessoa. O procedimento utilizado foi análise de conteúdo, incluindo os textos e as imagens, a partir das seguintes questões norteadoras: Que noções acerca de gênero e da sexualidade os livros
more » ... alidade os livros apresentam? O que e como está sendo veiculado nos livros: preconceitos sexistas e homo/lesbo/transfóbicos ou direitos sexuais e reprodutivos para meninos/homens e meninas/mulheres? Os livros possibilitam o entendimento e/ou discussão sobre a equidade de gênero e o respeito e valorização das diferenças sexuais? Como? Registrou-se a quantidade de aparições de referências artísticas de todos os âmbitos culturais, tanto nos textos, como nas imagens; de textos de todos os gêneros e tipos sobre homens e mulheres e assinados por eles e elas; de imagens de homens e mulheres em geral; de imagens relacionadas a atributos ditos masculinos e femininos, em especial nos âmbitos do lar e do trabalho da rua; de linguagem sexista e não-sexista; de temas propiciadores de discussão sobre sexualidade e orientação sexual. Encontrou-se que a apresentação de imagens e textos relacionados aos homens foi significativamente superior à das mulheres, com exceção de imagens relacionadas ao lar. Verificou-se também que a linguagem utilizada é predominantemente sexista. Observou-se que os livros não propiciam diretamente a discussão sobre a diversidade sexual. Nesse sentido, concluiu-se que o livro didático pouco contribui diretamente para a prática pedagógica focada na equidade e na diversidade sexual e de gênero, cabendo ao/à educador/a criar outros recursos a fim de desenvolver um projeto curricular comprometido com este tema transversal.
doi:10.15687/rec.v8i2.25813 doaj:21874dfcc87b42ad999917d6adaa9bcd fatcat:l6x7j272ejb73cajvbsdwz2fg4