A transmissão da fé na nova arquitetura da comunicação contemporânea

Joana Terezinha Puntel
2017 Horizonte  
<p>Evangelização no contexto da sociedade contemporânea, transmissão da fé, nova arquitetura da comunicação constituem os eixos centrais deste artigo. Estes eixos encontram-se interligados e giram como engrenagens necessárias para a transmissão da fé, hoje. Sociedade com um cenário marcado por inéditas experiências no campo da cultura digital, encontra-se um "novo sujeito" que se move dentro de uma nova arquitetura da comunicação. A modalidade da transmissão da mensagem altera-se de unilinear
more » ... a-se de unilinear para novas formas de interação. No processo comunicativo da cultura digital, a transmissão unilinear (ou unidirecional) é substituída por aquela reticular, interativa e colaborativa (network). O estudo aborda a convergência e continuidade do magistério da Igreja sobre a evangelização e sua necessária abertura para o diálogo entre fé e cultura, a partir do Concílio Vaticano II. Considera a necessidade de repensar as modalidades existentes para a transmissão da fé. Atitude que requer coragem de pensar de modo mais profundo a relação entre fé, a vida da Igreja e as transformações que vivemos hoje. Na cultura digital, cresce e se alarga uma nova percepção e compreensão da fé. Na era digital novas linguagens desafiam paradigmas tradicionais e nos impelem para uma mudança de mentalidade e de prática pastoral.</p>
doi:10.5752/p.2175-5841.2017v15n46p487 fatcat:rxonnx5anbesberppev5gunlaa