FEITOS DO TREINAMENTO RESISTIDO SOBRE O METABOLISMO PRESSÓRICO EM IDOSOS HIPERTENSOS

Thiago Alves Queiroz, José Wilhan Cardoso Santos, Alexandro Silva Mateus
2022 Revista Ibero-Americana de Humanidades, Ciências e Educação  
O envelhecimento possui uma grande associação com problemas cardiovasculares, com destaque ao desenvolvimento da Hipertensão Arterial, considerando isso, o exercício físico regular é uma das principais terapêuticas ao paciente hipertenso, diminuindo sua morbimortalidade. Objetivo: demonstrar, por meio de revisão de literatura, os efeitos que o exercício resistido pode promover sobre a pressão arterial em idosos hipertensos. Esse estudo trata-se de uma revisão de literatura, com estudos
more » ... s, nos idiomas inglês, português e espanhol, com busca em bases de dados Scielo, BIREME e LILACS. Resultados: as alterações decorrentes do processo de envelhecimento não impedem o idoso de ser beneficiado com as adaptações inerentes ao treinamento resistido, indicados para controlar a elevação da pressão arterial por causa do efeito hipotensor pós-exercício, porém, em os resultados ainda são conflitantes, talvez em virtude das diferenças metodológicas, como diferentes protocolos de exercício e ao tipo da amostra, a intensidade e volume de treino. Conclusão: Apesar da diferença metodológica aplicada pelos pesquisadores, o exercício resistido se mostra como um importante aliado para a diminuição da pressão arterial de idosos após uma sessão de treinamento.
doi:10.51891/rease.v8i11.7594 fatcat:ifbp4e75erairk624imy5wco44