AVALIAÇÃO DE INDICADORES SOCIOECONÔMICOS DOS GRUPOS 1, 2, 3 E 4 DE MUNICÍPIOS PAULISTAS COM O USO DA ANÁLISE MULTIVARIADA DE VARIÂNCIA

Milton Carlos Farina, Patrícia Siqueira Varela, Maria Aparecida Gouvêa
2011 Estudos do CEPE  
Nos municípios, o movimento de descentralização é uma estratégia utilizada pelo processo de reforma do estado e pelo processo de redemocratização do país, que favorece a transferência de poder, recursos e atribuições para os governos locais. Este trabalho objetivou indicar se as variáveis valores per capita de transferência do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), quota-parte do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e Receita Tributária arrecadada têm médias
more » ... m médias estatisticamente diferentes entre os municípios paulistas caracterizados pelo Índice de Responsabilidade Social Paulista (IPRS) como municípios favorecidos econômica e socialmente (grupo 1), municípios com alto índice de riqueza e médios/baixos índices sociais (grupo 2), municípios com baixo índice de riqueza e altos/médios índices sociais (grupo 3) e municípios desfavorecidos em riqueza com níveis sociais intermediários (grupo 4), com base na análise multivariada de variância. Esta técnica estatística sinalizou que a variável Receita Tributária possui a maior diferença de média entre os quatro grupos de municípios. É possível dizer que, para estes grupos analisados, a distribuição do FPM também é aplicada de forma diferenciada, contribuindo efetivamente para tornar as condições dos municípios mais eqüitativas. Este trabalho faz parte de um estudo que combina grupos de municípios e diversas técnicas estatísticas
doi:10.17058/cepe.v0i33.1701 doaj:7b7ebb24ea104b1d9a8552b959751f86 fatcat:x3tws4tudfasdjxp5q6w2gcuhm