ATIVIDADE FÍSICA E ASPECTOS SOCIODEMOGRÁFICOS DE MULHERES IDOSAS

Sheilla Tribess, Jair Sindra Virtuoso Júnior, Edio Luiz Petroski
2012 Revista Baiana Saúde Pública  
Este estudo objetivou avaliar a associação entre nível de atividade física e a condição sociodemográfica de mulheres idosas. Trata-se de um inquérito com delineamento transversal com amostragem probabilística, incluindo 265 idosas da cidade de Jequié, região nordeste do Brasil, em 2005. As características sociodemográficas (faixa etária, estado civil, moradia, escolaridade e renda familiar) e de Atividade Física (AF) foram coletadas. Utilizaram-se os procedimentos da estatística descritiva,
more » ... ica descritiva, medidas de associação e análise não paramétricas, p<0,05. A maior concentração de mulheres ocorreu na faixa etária entre 65 e 69 anos; há uma predominância de mulheres viúvas, arranjo familiar classificado como multigeracional, baixo nível de escolaridade e econômico. O maior dispêndio total emminutos por semana em atividades moderadas e vigorosas ocorre em atividades domésticas, seguida do meio de transporte, de lazer/recreação e de trabalho. A prevalência de idosas mais ativas fisicamente foi de 64,5%. O nível de AF foi inversamente associado com: faixa etária, classe econômica e renda familiar. Os resultados obtidos sugerem ações que estimulem a prática em AF de lazer em grupos etários mais velhos, e tanto de condições econômicas mais favoráveis como menos providos financeiramente.
doi:10.22278/2318-2660.2009.v33.n3.a217 fatcat:iqagv2loircelazv7rqp6tcflm