INQUÉRITO POPULACIONAL SOBRE O COMPORTAMENTO SUICIDA NO MUNICÍPIO DE PIANCÓ (PB)

Débora Priscila Ferreira da Silva Gomes, Emilene Nóbrega Medeiros, Josilene Nascimento Rodrigues
2021 Revista interdisciplinar em saúde  
O suicídio é um complexo fenômeno que demanda debates, estudos e ações estratégicas governamentais. Objetivo: Verificar a ocorrência do comportamento suicida na população de Piancó - PB. Método: Estudo transversal, descritivo e exploratório, de cunho quantiqualitativo. Os dados foram coletados mediante aplicação de questionário sociodemográfico e roteiro de entrevista estruturada. Os participantes foram abordados em seus espaços de convívio cotidiano, bem como em salas de espera de Unidades
more » ... era de Unidades Básicas de Saúde. Resultados: A análise das ocorrências do comportamento suicida e o cruzamento de variáveis mostrou a prevalência do fenômeno em participantes com o seguinte perfil: sexo feminino; estado civil casado; religião católica; nenhum ou poucos anos de escolaridade, desempregado, natural do município em questão; com filhos. O estudo dos aspectos psicossociais revelou o aumento do risco entre as pessoas com padrão de uso habitual de substâncias psicoativas, que passaram pelo luto por suicídio, vivenciam com frequência sentimentos de desespero, desamparo, desesperança e depressão e membros de famílias que se caracterizam pela fragilidade dos vínculos afetivos. Eventos tais como mortes de pessoas importantes, conflitos familiares e separações foram amplamente mencionados e em alguma medida associados ao comportamento suicida. Conclusão: Prevaleceu entre os entrevistados a visão do suicídio como ato desviante, resultado de tentação do mal e justificado pela falta de Deus. Essa compreensão, pelo seu caráter, estigmatizante dificulta a busca de apoio profissional em situações de maior vulnerabilidade. É ressaltada a necessidade de novos estudos para ampliar a compreensão do fenômeno do suicídio no município. Palavras chave: Suicídio. Tentativa de Suicídio. Ideação Suicida. Comportamento Autodestrutivo.
doi:10.35621/23587490.v8.n1.p653-667 fatcat:zwqjwca3qfc2bpdd3pjnau333e