Cordas do tempo: percursos para uma experiência estética do tempo impuro em Cubagua, de Enrique Bernardo Núñez

Livia Esmeralda Vargas-González
2020 Antares letras e humanidades  
Resumo No presente texto proponho-me a explorar as transposições temporais que concorrem no romance histórico Cubagua, do escritor venezuelano Enrique Bernardo Núñez (1931), tendo como hipótese seu reconhecimento como experiência estética do tempo impuro. Essa exploração assume o conceito de tempo impuro como a confluência simultânea de tempos discordantes e, com o intuito de recriar essa experiência em uma obra de ficção literária, se apoia na imagem das cordas utilizada pela física teórica
more » ... a física teórica contemporânea. Há em Cubagua uma narrativa crítica da história e, com isto, uma proposta estética que convida a uma experiência não linear nem homogênea do tempo. Palavras-chave Cubagua. Enrique Bernardo Núñez. Tempo impuro. Estética do tempo. Abstract The purpose of this article is to explore the temporary transpositions that concur in the historical novel Cubagua from Venezuelan writer Enrique Bernardo Núñez (1931), having as hypothesis its recognition as an aesthetic experience of impure time. This exploration takes the concept of impure time as the simultaneous confluence of discordant times and it appropriates the image of the strings used by the contemporary theoretical physics to recreate this temporal experience in a literary fiction text. There is in Cubagua a critical narrative of history and an aesthetical proposal that invite to have a nonlinear or homogeneous experience of time.
doi:10.18226/19844921.v12.n27.12 fatcat:qcpfpsfdgzbbvdffhbqnnho7r4