OS JOGOS E AS BRINCADEIRAS NO PROCESSO DE ALFABETIZAÇÃO: UM ESTUDO SOBRE A PERCEPÇÃO DE PROFESSORAS DOS ANOS INICIAIS

Amanda Silva Scheffer, Gildo Volpato
2021 Revista Saberes Pedagógicos  
RESUMO: A presente pesquisa teve como objetivo geral compreender como os jogos e as brincadeiras são concebidos pelas professoras que atuam no processo de alfabetização e letramento das crianças nos dois primeiros anos dos Anos Iniciais do Ensino Fundamental. Tem como objetivos específicos: identificar quais são os jogos utilizados pelas professoras no processo de alfabetização e por que razão e observar como os jogos e brincadeiras são utilizados nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental, a
more » ... r de entrevista semiestruturada com seis professoras. Dessa forma, caracterizou-se como uma pesquisa de campo, de natureza básica e abordagem qualitativa. Para o referencial teórico, utilizou-se autores como Volpato (2017), Kishimoto (2016), Vygotsky (1994), entre outros pesquisadores da área. Foi possível compreender que na percepção das entrevistadas o jogo e brincadeira são importantes como suporte pedagógico no processo de alfabetização e letramento das crianças, porém algumas delas ainda atribuem seu valor ao descanso, recreio ou como descarga de energia acumulada, se aproximando de concepções clássicas já superadas. Afirmaram que percebem que quando incluem o jogo no processo de alfabetização se torna mais prazeroso, mais dinâmico, há maior interesse dos estudantes pelo conteúdo e facilita a aprendizagem, pois torna-a mais significativa.PALAVRAS CHAVE: Jogos. Brincadeiras. Ensino Fundamental. Professoras.
doi:10.18616/rsp.v5i2.6809 fatcat:ymuc7wtbnzgxpeau2kukvc37xm